Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

ÉTICA MÉDICA: INTERESSE, PERCEPÇÃO E NÍVEIS DE CONHECIMENTO ENTRE ALUNOS DO CURSO DE MEDICINA EM UMA UNIVERSIDADE NO INTERIOR DA AMAZÔNIA BRASILEIRA

Fundamentação/Introdução

É indubitável que, além de qualificada formação técnica, as escolas médicas ofereçam preparação ampliada e contínua em temas humanitários, capazes de promover o desenvolvimento moral dos estudantes e futuros médicos.

Objetivos

Avaliar a percepção, o interesse e níveis de conhecimento sobre Ética Médica entre alunos do curso de Medicina da Universidade do Estado do Pará (UEPA)- Campus Santarém, no período de fevereiro a maio de 2013.

Delineamento/Métodos

Estudo descritivo, predominantemente quantitativo, transversal, baseado em pesquisa de campo, na própria universidade em questão, envolvendo a aplicação de questionários a estudantes de medicina do 3º ao 10º período de graduação. As informações obtidas e lançadas no protocolo de pesquisa foram incluídas em planilhas do aplicativo Microsoft Excel Office 2003 ou 2007 (Windows).

Resultados

Participaram da pesquisa 83 estudantes do curso de medicina da Universidade do Estado do Pará (UEPA), campus Santarém. Essa amostra corresponde a 53,54% da população total de estudantes de 3º ao 10º período de curso (n=155). Ao perguntarmos se já haviam lido o Código de Ética Médica (CEM) alguma vez nos últimos dez anos, a maioria disse que o fez parcialmente (69,67%; n=57). Quanto à frequência de atualização acerca do tema, porção significativa de alunos afirmou que nunca se atualizaram, apesar de já terem lido o CEM (45,79%; n=38). Em uma escala de 1 a 5, a auto-avaliação sobre o conhecimento de ética médica pelos alunos obteve média de nota 2,6 (±0,9). Também utilizando uma escala de 1 a 5, a maioria dos estudantes (67,46%) atribuiu uma nota 5 quando responderam o quão importante julgavam ser a ética médica para a sua formação. No fim do questionário, quando submetidos a nove questões-teste acerca de conhecimentos específicos sobre o Código de Ética Médica, a média de acertos geral foi de 5,9 (±1,8).

Conclusões/Considerações finais

A despeito dos satisfatórios e até superiores índices de acerto aos encontrados por outros estudos, e a surpresa de que os níveis de conhecimentos de alunos de uma universidade do interior da Amazônia são comparáveis aos obtidos por outras escolas médicas mais tradicionais de outras regiões do país, consideramos necessária uma reorientação ou ajuste da abordagem de ensino da Ética Médica e Bioética no curso de medicina da UEPA-Santarém, a fim de formalizar a longitudinalidade do ensino desses temas ao longo do curso através de eixos específicos e garantir uma educação ética e moral cada vez melhor, pautada em discussões e reflexões frequentes acerca do tema.

Palavras Chaves

Ética médica. Ética Profissional. Bioética.

Área

Clínica Médica

Autores

Igo Feitosa Santos, Zilma Nazaré de Souza Pimentel, Átila Barros Magalhães, Juliana Costa Santos, Juliana Gama Almeida

Promoção

SBCM

Realização

SBCM MG
ABRAMURGEM

Patrocínio Ouro

UNIFENAS

Patrocínio Prata

Unimed - BH

Patrocínio Bronze

CUREM
SENIOR VILLAGE

Apoio

IPSEMG
TAKEDA

Agência de Turismo

Belvitur

Organização

Attitude Promo

Agência Web

Sistema de Gerenciamento desenvolvido por Inteligência Web

14º Congresso Brasileiro de Clínica Médica e 4º Congresso Internacional de Medicina de Urgência de Emergência

MINASCENTRO - Belo Horizonte/MG | 04 a 06 de Outubro de 2017