Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

DOENÇA DE STILL DO ADULTO ASSOCIADA A MANIFESTAÇÃO CUTÂNEA ATÍPICA: RELATO DE CASO 

Fundamentação/Introdução

A doença de Still do adulto é uma patologia inflamatória sistêmica rara de etiologia desconhecida e com manifestações clínicas heterogêneas. Estima-se a incidência de 0,16 casos/100 000 pessoas, acometendo sobretudo mulheres jovens. Caracteriza-se pela tríade clássica: febre persistente, acometimento articular e erupção cutânea maculopapular não pruriginosa, embora manifestações cutâneas consideradas atípicas tenham sido descritas.

Objetivos

Relatar um caso de doença de Still com manifestações cutâneas distintas do quadro típico.

Delineamento/Métodos

Relato de Caso

Resultados

Paciente do sexo feminino, 52 anos, com quadro de febre diária há 17 dias associada a odinofagia e artrite em interfalangeanas proximal e distal bilateralmente, punhos, cotovelos e ombro esquerdo. Ao exame apresentava lesões papulares hipercrômicas em abdome e placas hipercrômicas de configuração linear, com descamação fina superficial, em membros inferiores, dorso e flancos. Exames sorológicos evidenciavam FAN e Fator Reumatóide negativos; C3, C4 e CH50 normais; Sorologias HIV, HBV, HCV, Dengue e Chikungunya negativas; Culturas de sangue e urina negativas. Dosagens de Proteína C Reativa 207,8 mg/dl, Ferritina 9817,9ng/ml, AST 111U/L e ALT 82 U/L. Tomografias evidenciaram linfonodomegalias reacionais em mediastino e abdome, com baço no limite superior da normalidade. Diante da presença de manifestação cutânea atípica paciente foi submetida a biópsia que evidenciou múltiplos ceratinócitos disceratóticos nas camadas superficiais da epiderme, além de infiltrado neutrofílico em derme superficial, achados consistentes com a forma de pápulas e placas pruriginosas persistentes da doença de Still. Após o diagnóstico foi iniciado prednisona 0,5mg/kg/dia com melhora clínica, dermatológica e laboratorial após uma semana de tratamento.

Conclusões/Considerações finais

A doença de Still do adulto é uma entidade rara, caracterizada por quadro de inflamação sistêmica de etiologia desconhecida, sendo o diagnóstico considerado desafiador em função da ausência de achados clínicos, ou sorológicos específicos. A despeito da descrição de acometimento cutâneo típico maculopapular não pruriginoso, a possibilidade de formas cutâneas atípicas com achados histopatológicos peculiares tem sido reconhecia pela literatura, auxiliando abordagens diagnósticas e terapêuticas

Palavras Chaves

Doença de Still do Adulto; Diagnóstico; Manifestações atípica; prurido; histopatologia

Área

Clínica Médica

Instituições

Hospital dos Servidores do Estado de Pernambuco - Pernambuco - Brasil

Autores

Marcos Holmes Carvalho, Leandro Vasconcelos de Andrade, Bruno Matos Austregésilo, Leonardo de Melo Lacerda, Raquell Alves de Araújo

Promoção

SBCM

Realização

SBCM MG
ABRAMURGEM

Patrocínio Ouro

UNIFENAS

Patrocínio Prata

Unimed - BH

Patrocínio Bronze

CUREM
SENIOR VILLAGE

Apoio

IPSEMG
TAKEDA

Agência de Turismo

Belvitur

Organização

Attitude Promo

Agência Web

Sistema de Gerenciamento desenvolvido por Inteligência Web

14º Congresso Brasileiro de Clínica Médica e 4º Congresso Internacional de Medicina de Urgência de Emergência

MINASCENTRO - Belo Horizonte/MG | 04 a 06 de Outubro de 2017