Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

Caracterização dos atendimentos clínicos realizados pelo Serviço de Atendimento Móvel De Urgência (SAMU) em Governador Valadares - MG.

Fundamentação/Introdução

Nas últimas décadas tem se observado uma mudança nos paradigmas de saúde da sociedade, através do que se observa maior incidência de doenças crônicas, principalmente do Aparelho Circulatório. Dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM) indicam que em 2015 as doenças clínicas constituíram a maior causa de óbito no país (88%), sendo que em Governador Valadares, Minas Gerais, a mortalidade proporcional foi 86%.

Objetivos

Caracterizar o perfil dos atendimentos clínicos prestados pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de Governador Valadares registrados em fichas de regulação de 01 de janeiro de 2016 a 31 de dezembro de 2016.

Delineamento/Métodos

Foi realizado estudo quantitativo observacional transversal descritivo, através de dados secundários retrospectivos. As variáveis analisadas foram sexo, faixa etária, natureza do agravo, local da ocorrência e período do dia. Foi realizada amostragem estratificada uniforme e cálculo do intervalo de confiança (IC 95%).

Resultados

Foram analisadas 2.930 fichas, sendo 67,1% sobre atendimentos clínicos (IC 95% 65,4 – 68,8). A incidência dos atendimentos foi maior no sexo feminino com 55,1% (IC 95% 53,0 – 57,4). Dentre as naturezas do agravo, atendimento por síndromes álgicas (16,8%) entre pessoas com mais de 70 anos foi o mais incidente, seguido por distúrbios psiquiátricos (13,3%) entre 31 – 40 anos, crise convulsiva (11,5%) acometendo entre os 31 - 50 anos e as causas obstétricas (7,6%) especialmente de 21 – 30 anos. Quanto ao período do dia, as maiores demandas foram entre 6 - 12h (27,2%) e de 18 - 00h (27,1%). Quanto ao local da ocorrência, os bairros mais atendidos foram Centro, Santa Rita, Turmalina, São Paulo, Altinópolis e Lourdes, que somam 32,0%. A letalidade foi de 3,6% (IC 95% 2,6 – 4,9).

Conclusões/Considerações finais

Diante da grande incidência de agravos clínicos, o atendimento pré-hospitalar deve estar preparado para prestar assistência de forma rápida, correta e eficaz, até que o suporte definitivo seja instituído. Em Governador Valadares, a maioria dos atendimentos é prestada aos idosos por síndromes álgicas. Assim, é importante a discussão do perfil das ocorrências, que permite direcionar ações para prevenção, promoção, recuperação e habilitação da saúde, além de permitir articular os gestores e conselhos de saúde, além da população, visando à melhoria contínua do serviço de saúde.

Palavras Chaves

Serviço Médico de Emergência; Assistência pré-hospitalar; Epidemiologia Descritiva; Medicina Clínica; Perfil de Saúde.

Área

Clínica Médica

Instituições

Universidade Federal de Juiz de Fora campus Governador Valadares - Minas Gerais - Brasil

Autores

Débora Brito Tana, Dayany Leonel Boone, Samyr Coradini Lopes, Thiago Martins Trece Costa, Marina Carvalho Souza Cortes

Promoção

SBCM

Realização

SBCM MG
ABRAMURGEM

Patrocínio Ouro

UNIFENAS

Patrocínio Prata

Unimed - BH

Patrocínio Bronze

CUREM
SENIOR VILLAGE

Apoio

IPSEMG
TAKEDA

Agência de Turismo

Belvitur

Organização

Attitude Promo

Agência Web

Sistema de Gerenciamento desenvolvido por Inteligência Web

14º Congresso Brasileiro de Clínica Médica e 4º Congresso Internacional de Medicina de Urgência de Emergência

MINASCENTRO - Belo Horizonte/MG | 04 a 06 de Outubro de 2017